sábado, 14 de dezembro de 2013

É o túnel sob o parque e a via sobre a praça?


Excerto do Mapa 10 “Ações prioritárias no sistema viário estrutural”, Projeto de lei do plano diretor estratégico PL688/2013. (disponível em : http://gestaourbana.prefeitura.sp.gov.br/biblioteca/)

A área delimitada pelo círculo verde apresenta uma linha tracejada em vermelho, cuja legenda do mapa original informa como sendo “Via Estrutural a abrir”. A proposta coincide com o projeto anteriormente incluído na operação urbana Vila Sônia. Em maior aumento se vê que o traçado corresponde à rua Paulo Ângelo Lanzarine, passando por área dos conjuntos habitacionais próximos à Corifeu e uma parte da praça em que se encontram os equipamentos de ginástica e mesas para lazer.






quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Resultado das Eleições para o Conselho Participativo do Butantã


Eleitos para Conselho Participativo do Butantã
Distrito Butantã Votos
Márcia Sandoval Gregori 296
Martha Delbuque Pimenta 264
Ariela Bank Setti Comparato 226
Paulo José Villela Lomar 226
Keiji Kato 117
Distrito Morumbi
Júlia Titz de Rezende 221
Beatriz Helena Falcão Botelho 195
Vera Lúcia Ubaldino Machado 175
Marcos Costa Correa 132
Ana Luiza Dalcin Aragão 95
Distrito Raposo Tavares
Maria de Lourdes Andrade Souza (Lia – Vl Nova Esperança) 261
 Juliana Alves Pessoa 241
Luís Alberto da Silva Santos 230
Felipe Valentim Bonifácio (COHAB RAPOSO) 208
Cristiano de Farias Coronado 203
José Martins de A breu Cavalcante 168
Solange Tomaz de Souza 157
Regiane Souza Teixeira 153
José Antonio Cruz Reyes (TOM REYES) 134
Wesley Santos de Carvalho Soares 131
Distrito Rio Pequeno
Seilane Xavier de Souza 1703
Sônia Regina Batista da Silva 207
Adriana dos Santos Rabelo 204
Pedro Fernando Santana 129
Aparecido Rafael Monteiro 98
Ana Maria Raddi Uchoa 93
Mirna Pinheiro de Abreu Coelho 92
Vera Lúcia Borges Macedo Leite 73
Milton Ângelo Bianchi 68
Edileide Elizete da Silva (LEDA DO SAPE) 63
Eliene Souza do Nascimento (LENINHA DO SAPE) 51
Jorge Jordão 49
Distrito Vila Sônia
Elizabete Silva (BETE JD. JAQUELINE) 302
 Ivanildo de Oliveira Junior 255
André Wilian Araujo de Lima 229
Luiz Augusto Thomaz 223
Roldão Soares Filho 142
João Victorelli 139
Alexander Fukumura (ALEX PINHEIRENSE) 134
Jaqueline Carneiro de Albuquerque 126
Carmen Caballeria Ferreira 123
Antonio Carlos de Almeida Santos (ANTONIO DO CHAPEU) 118
Regiani Paulino de Oliveira 114
Total de votos por subdistrito
Butantã 1869
Morumbi 1331
Raposo Tavares 2658
Rio Pequeno 2830
Vila Sônia 2549
Total subprefeitura do Butantã 11237

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Comissão eleitoral para as eleições do Conselho Participativo


Durante a devolutiva sobre o plano diretor, foram realizadas as eleições para a composição da comissão eleitoral para as eleições do Conselho Participativo do Butantã.

As pessoas eleitas para essa função foram:

Andréa Beatriz André (12 votos) - Vila Nova Esperança
Irina Frare Cezar (23 votos) - Empreendedorismo rosa
Nadir Silva Moraes (23 votos) - Segurança alimentar, etc...
Sônia Hamburger (8 votos) - Associação cultural Morro do Querosene / CADES


quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Pré-Conferencia de Saúde do Butantã

Pré-Conferência de Saúde Butantã
31/08/2013 (sábado) das 8h00 às 17h00
 ABERTA A TODOS  usuários, trabalhadores e gestores
PARA PARTICIPAR DA CONFERÊNCIA É NECESSÁRIO LEVAR DOCUMENTO COM FOTO. AS PLENÁRIAS NÃO SERÃO RESTRITAS AOS MORADORES DA REGIÃO. CADA MUNÍCIPE PODE ESCOLHER A REGIÃO QUE QUER PARTICIPAR.
etapa preparatória e eleição de delegados para:
17ª Conferência Municipal de Saúde, e Conferências Municipais Temáticas: III Conferência Municipal de Saúde da População Negra, IV Conferência Municipal de DST/HIV/Aids, III Conferência Municipal de Saúde Mental


A INSCRIÇÃO PARA CANDIDATO A DELEGADO SE ENCERRA AO TÉRMINO DA LEITURA DO REGULAMENTO DA PRÉ-CONFERÊNCIA QUE OCORRERÁ APÓS A MESA DE ABERTURA
CANDIDATOS A DELEGADO DEVEM  PARTICIPAR DE TODA A PRÉ-CONFERÊNCIA

EM ANEXO: CARTAZ, DOCUMENTO NORTEADOR COM AS PROPOSTAS A SEREM VOTADAS, DOCUMENTOS PRPDUZIDOS NA PLENÁRIA DE 2012 E PRÉ-CONFERÊNCIA 2011


--
Comissão Executiva
Conselho Gestor de Saúde
STS Butantã



Fórum de Cultura do Butantã

Reunião dia 26/08, às 19:30hs, na Casa de Cultura do Butantã (Rua Junta Mizumoto, 13).

Proposta de pauta:

1. Avaliação das Conferências de Cultura e orientações aos delegados: Miriam e Nelson (suplente).
2. Esclarecimentos sobre o projeto "9ª Mostra de Cultura do Butantã", garantido pelo edital, e discussão sobre a 8ª Mostra, que deve acontecer esse ano e ainda não tem verba garantida.
3. Retomada dos trabalhos das comissões de "Comunicação e Organização" e de Projetos.
4. Ações e eventos que precisamos fazer acontecer (nas condições que tivermos) no segundo semestre.


9a Mostra de Cultura do Butantã

A Mostra de Cultura do Butantã foi aprovada em edital

Foi aprovado também no mesmo edital do  Instituto Nação, sob coordenação de João nascimento, a "Escola do Samba", também sediada no Butantã.

Parabéns Butantã!


segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Devolutiva do Plano de Metas


Dia 24/08 - das 9 h às 13 h
Casa de Cultura do Butantã

Na sequência serão realizadas as eleições para a Comissão Eleitoral que será responsável pela organização das eleições ao Conselho Participativo Municipal.

terça-feira, 13 de agosto de 2013

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/08/1325688-prefeitura-apresenta-versao-final-do-programa-de-metas-na-sexta-feira.shtml

13/08/2013 - 12h41

Prefeitura apresenta versão final do programa de metas na sexta-feira

PUBLICIDADE
 
DE SÃO PAULO
Ouvir o texto
A Prefeitura de São Paulo vai apresentar na próxima sexta-feira (16) a versão final do programa de metas. A administração Fernando Haddad (PT) irá mostrar a partir das 9h na Câmara Municipal quais são os principais objetivos da gestão para o período de 2013 a 2016.
De acordo com a prefeitura, o resultado final foi obtido após 35 audiências públicas realizadas no mês de abril que contaram com a participação de mais de 6.000 pessoas. Nesses encontros, explica a prefeitura, foram feitas quase 9.500 sugestões e boa parte delas foram incorporadas no programa de metas.
A audiência na Câmara é aberta para a população, segundo a Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão.
De acordo com a secretaria, o tema mais abordado nas audiências foi em relação à saúde com 1.108 sugestões, seguido por mobilidade urbana (1.041), educação, moradia, meio ambiente, zeladoria urbana, cultura, esporte/lazer, segurança e desenvolvimento econômico.
Entre as sugestões mais mencionadas pelos cidadãos, a regularização fundiária foi a mais citada, com 269 propostas. As outras sugestões específicas mais citadas foram pedidos de novas Unidades Básicas de Saúde (228), casas (215), creches (178), pavimentação (131), iluminação pública (116), canalização de córregos (111),entre outros.
A secretaria diz que a região que mais apresentou demandas e sugestões foi a de Ermelino Matarazzo (zona leste), seguida por Parelheiros, Capela do Socorro e M'Boi Mirim, todas na zona sul da cidade.
Segundo a secretaria, inicialmente o programa previa cem metas associadas a 21 objetivos organizados em três eixos temáticos. Cada eixo, explica a prefeitura, apresenta um conjunto de objetivos estratégicos que apontam aspectos importantes para melhoria da vida na cidade de São Paulo. As metas são algumas das iniciativas que possibilitarão o alcance desses objetivos.
SUBPREFEITURAS
Os moradores que não puderem comparecer na audiência na Câmara poderão conhecer o programa de metas completo nas subprefeituras. As audiências serão realizadas no dia 24 de agosto. Confira a programação:
9h às 12h
Nas subprefeituras Casa Verde/Cachoeirinha; Freguesia/Brasilândia; Pirituba; Perus; Vila Mariana; Butantã; Lapa e Pinheiros.
15h às 18h
Nas subprefeituras Ipiranga; Jabaquara; Cidade Ademar; Capela do Socorro; Campo Limpo; M'Boi Mirim; Parelheiros e Santo Amaro.
Durante as audiências nas subprefeituras serão escolhidos os integrantes da Comissão Eleitoral dos Conselhos Participativos Municipais, entidade autônoma formada exclusivamente por membros da sociedade civil para a representação de cada região da capital.
A comissão ficará encarregada de organizar a eleição dos conselhos que têm o objetivo de assegurar a participação da sociedade "no planejamento e fiscalização de ações e gastos públicos de suas regiões", explica a pasta.

22/08 Processo de informação aos delegados da IV Conferência Municipal de Meio Ambiente


segunda-feira, 12 de agosto de 2013



A distribuição na subprefeitura do Butantã


Total de 43 conselheiros, sendo:


Butantã: 05 conselheirosMorumbi: 05 conselheirosRaposo Tavares: 10 conselheirosRio Pequeno: 12 conselheirosVila Sônia: 11 conselheiros






Conferência livre CONAE


sábado, 6 de julho de 2013

Chácara da Fonte

Publicado em 03/07/2013 no Jornal do Butantã
CHÁCARA DA FONTE PRESERVA HISTÓRIA E CULTURA DA REGIÃO

Preocupados com o avanço do mercado imobiliário, estimulado pela chegada da Estação Butantã do Metrô, moradores do Morro do Querosene iniciaram a batalha pela preservação de uma área verde do bairro, batizada por eles como “Chácara da Fonte”. Além de guardar nascentes e trechos originais de Mata Atlântica, o espaço tem relevância histórica e cultural.
Segundo a diretora da Associação Cultural da Comunidade do Morro do Querosene, Cecília Pellegrini, o terreno tem relação direta com o período anterior à chegada dos portugueses no Brasil. “Na Vila Pirajuçara, que hoje chamamos Morro do Querosene, ficava uma bica e um pequeno balneário para matar a sede e refrescar os viajantes do Peabiru”.
De acordo com alguns historiadores, o Peabiru era a rota que ligava o litoral paulista, onde hoje é a cidade de São Vicente, até Machu Picchu, capital do império Inca, no Peru. “Este caminho não foi aberto da costa para o interior, já existia quando aqui chegaram os europeus, que o utilizaram para adentrar o continente atrás das riquezas de ouro e prata das quais já haviam ouvido falar”, afirma Cecília.
Ainda segundo ela, o local onde hoje está o Morro do Querosene era utilizado por diversos povos indígenas da região e utilizado como ponto de encontro de outras rotas, que nos séculos seguintes seriam referências de estradas atuais, como a Rodovia Raposo Tavares. “Este tráfego que vemos hoje no Butantã, guardadas as devidas proporções, já existia em virtude da fonte”.
A diretora da associação tem como base em suas afirmações estudos de especialistas do Instituto de Geografia e História de São Paulo que colaboraram para o tombamento da área de 35 mil mno ano passado pelo Conpresp (Conselho Municipal do Patrimônio Histórico).  Documentos da Biblioteca de História da USP, que revelam o desenvolvimento da região também foram utilizados como argumentos técnicos.
Além do aspecto histórico, a importância do espaço para os moradores é justificada pelo potencial cultural do Morro do Querosene, reduto de artistas das mais diferentes áreas. Por estas características, em 2002, a área da Chácara da Fonte foi incluída Plano Diretor como uma Zona Especial de Preservação Cultural (ZEPEC).
Manifestações populares como a tradicional festa do boi-bumba, rodas de capoeira, samba de roda, grafite e maracatu eram realizadas no local até que um muro fosse erguido pelos proprietários em 2011. A intervenção gerou uma mobilização em prol do tombamento e criação de um parque público.
Segundo Cecília, uma área verde aberta ao público no bairro proporcionaria benefícios significativos à região. “Não existem parques voltados ao lazer no perímetro das avenidas Doutor Vital Brasil e Corifeu de Azevedo Marques, a não ser a Praça Elis Regina e o Instituto Butantan, que também não é propriamente um parque, já que é destinado a pesquisas”.
Ainda de acordo com ela, os moradores locais pretendem que o parque tenha diversos atrativos. “Além da fonte com água limpa e árvores nativas, podemos instalar campinhos de futebol, parquinhos e um centro cultural para a comunidade do Morro do Querosene. Estas melhorias também pode atender aos bairros vizinhos, como Vila Indiana, BNH e City Butantã”.
Procurada pelo Jornal do Butantã - Grupo 1 de Jornais,  a Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente informa que a implantação do parque ocorrerá em duas etapas: a primeira delas consiste no estudo fundiário e a segunda será a elaboração da planta expropriatória. Após o encerramento dessas duas fases, a pasta esclarece que está previsto para, aproximadamente, 40 dias, o encaminhamento do estudo para o Departamento de Desapropriações (Desap), da Secretaria de Negócios Jurídicos, que estudará as condições para a desapropriação.
O prazo do decreto para desapropriação, anunciado em 2011 na gestão Gilberto Kassab, expira em 2016. Até lá, os moradores do Morro do Querosene e de toda a região torcem para que o local seja convertido em um parque, caso contrário de pouco adiantou a batalha pelo tombamento.

segunda-feira, 1 de julho de 2013

PRÉ-CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DO BUTANTÃ


O CONSELHO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL E AS COMISSÕES ORGANIZADORAS CENTRAL E REGIONAL CONVIDAM PARA A PRÉ-CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DO BUTANTÃ

LOCAL: Casa de Cultura Butantã
ENDEREÇO: Avenida Junta Mizumoto, 13 – Jardim Peri - Peri
DATA: 11/07/2013      HORÁRIO: das 8: 00 as 18:00


segunda-feira, 24 de junho de 2013

 Assunto: CONVITE - Capacitação para discussão do Plano Diretor Estratégico - PDE

 
 
 
C O N V I T E
 
Capacitação para discussão do Plano Diretor Estratégico – PDE
 
 
A Subprefeitura Butantã convida V. Sa. para participar das atividades de capacitação, que visa discutir os temas do Plano Diretor Estratégico, seus objetivos, diretrizes e instrumentos da política urbana.
Esta iniciativa tem por objetivo trazer para o território da Subprefeitura Butantã as discussões públicas que vêm sendo conduzidas pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e antecipar o debate que ocorrerá sobre a revisão e novas propostas relativas ao Plano Regional, envolvendo a comunidade local e os representantes de associações e organizações da sociedade civil atuantes na área de abrangência do Butantã.
 
Data: 26 de junho
Horário: às 15h
Local: CEU Uirapuru.  R. Nazir Miguel, 849 - Jd. Paulo VI, São Paulo
 
 
Se você não compareceu ao encontro realizado no dia 10, no CEU Butantã, não perca esta oportunidade.
“Esta mensagem, incluindo seus anexos, é confidencial e seu conteúdo é restrito ao destinatário da mensagem. Caso você a tenha recebido por engano, queira, por favor, retorná-la ao destinatário e apagá-la de seus arquivos. É expressamente proibido o uso não autorizado, replicação ou disseminação da mesma. As opiniões contidas nesta mensagem e seus anexos não necessariamente refletem a opinião do órgão emissor”.

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Prefeitura de SP quer doar viveiro de árvores que abastece capital

A Prefeitura de São Paulo quer doar ao município de Cotia, um importante equipamento de preservação ambiental do nosso município.

Abaixo link para a matéria da Folha de São Paulo:

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/05/1287675-prefeitura-de-sp-quer-doar-viveiro-de-arvores-que-abastece-capital-a-cotia.shtml

Abaixo link para a petição on-line:




ETAPAS PREPARATÓRIAS DA IV CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE
TEMA: IMPLEMENTANDO A PNRS NA CIDADE DE SÃO PAULO

A Secretaria de Serviços, a Secretaria do Verde e do Meio Ambiente e a Secretaria de Coordenação das Subprefeituras, 
convidam todos a participar das Etapas Preparatórias da IV Conferência Municipal de Meio Ambiente, que acontecerão 
por Subprefeituras, coletando sugestões e demandas de toda a cidade, para a Reelaboração Participativa 
do Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos - PGIRS de São Paulo. 
A Prefeitura da Cidade de São Paulo convida você a colaborar com este processo, 
conforme datas, endereços e horários abaixo.
O Plano vai organizar o planejamento da coleta, transporte, tratamento e destinação final 
de todos os resíduos sólidos da cidade de São Paulo, para os próximos 20 anos, razão pela qual 
é muito importante que seja feito com a participação da população da cidade.
Em cada etapa preparatória será realizada eleição para a escolha de delegados 
que participarão da IV CMMA, de acordo com o regimento específico.
Com base nestes debates, a prefeitura também irá avançar na elaboração 
do Plano de Coleta Seletiva Solidária para a cidade de São Paulo.
Venha participar. 
Juntos transformaremos São Paulo em uma cidade solidária e sustentável.

Butantã 27/07/2013 15:30 às 19:00 CEU Butantã Av. Engenheiro Heitor Antonio Eiras Garcia, 1870 - Jd. Esmeralda

(Fonte: Convite distribuído pela Prefeitura de São Paulo)

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Progrma de Metas - Metas Regionalizadas - Subprefeitura do Butantã

A informação que faltou no material entregue durante a apresentação do programa de metas da prefeitura está disponibilizada no site da subprefeitura do Butantã:

http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/subprefeituras/butanta/noticias/?p=37244

assim como a ata da reunião:
http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/subprefeituras/upload/butanta/ata_audiencia_publica_programa_metas.pdf

Abaixo o conteúdo das metas regionalizadas, que ficou faltando na ocasião:

Eixo 1: Compromisso com os Direitos Sociais e Civis
01 Equipamento Esportivo Aberto 24h nos Finais de Semana, por meio do Programa Revirando a Virada
01 Unidade da Rede Hora Certa
01 Área de Conexão Wi-Fi aberta, com Qualidade e Estabilidade de Sinal
01 Polo da Universidade Aberta do Brasil
01 Programa de Requalificação do Espaço Público e Melhoria de Bairro
02 Centros de Referência da Assistência Social
01 Centro de Referência Especializado da Assistência Social
06 Centros de Educação Infantil
02 Escolas Municipais de Educação Infantil
01 Hospital Municipal Recuperado e Adequado
02 Novos Equipamentos Culturais (01 no Distrito de Raposo Tavares, 01 no de Vila Sônia)
01 Nova Unidade de Pronto Atendimento (UPA) por Meio da Reforma e Ampliação de Serviços Existentes
2.037 Novas Unidades Habitacionais
  3.086 Famílias Beneficiadas no Programa de Urbanização de Favelas
300 Novos Pontos de Iluminação Pública Eficiente
Ampliação do número de vagas para crianças com necessidades especiais por meio da revitalização do Centro de Formação e Acompanhamento à Inclusão (CEFAI) Butantã
Eixo 2: Desenvolvimento Econômico Sustentável com Redução das Desigualdades
01 Representação da Agência São Paulo de Desenvolvimento
06 Ecopontos
03 Parques ou Unidades de Conservação Municipais Readequados (Previdência, Sérgio Vieira de Melo, Raposo Tavares)
02 Novos Distritos Atendidos pelo Programa Municipal de Coleta Seletiva (Raposo Tavares e Rio Pequeno)
Novas Ciclovias (Ciclovia Butantã, Plano Cicloviário Campo Limpo)
Eixo 3: Gestão Descentralizada, Participativa e Transparente
Revisão do Plano Regional Estratégico
Conselho Participativo da Subprefeitura
01 Centro de Atendimento ao Cidadão

domingo, 21 de abril de 2013

Realizada a audiência pública do programa de metas no Butantã

No dia 20/04 muitos cidadãos foram à Casa da Cultura do Butantã e participaram da audiência pública, em que a prefeitura apresentou o programa de metas que já foi amplamente divulgado em diversos canais de informação.

Muitos participantes da Rede Butantã estiveram presentes e apresentaram suas opiniões e propostas.

Foram apoiados pela população alguns temas que a Rede tem discutido há muito tempo: Gestão participativa, melhoria dos equipamentos e ampliação da atenção à saúde, deficiência de creches, principalmente na comunidade São Remo, demandas relativas à Chácara da Fonte e Chácara do Jóquei, estruturas culturais e esportivas no distrito Raposo Tavares, apoio à implantação de parques lineares, transparência da administração, dentre outros.

A população aguarda agora a devolutiva da prefeitura sobre as propostas que foram feitas oralmente ou por escrito.

Todos os cidadãos presentes receberam um caderno elegante com um detalhamento das 100 metas propostas. A grande falha no entanto foi que apesar de o representante da prefeitura apresentar um diapositivo com "exemplos de metas regionalizadas", específico do Butantã, essa informação não constou nem mesmo como uma simples folha de xerox no material entregue.

Para aqueles que desejarem enviar propostas que acrescentem a ou modifiquem alguma das metas da prefeitura, podem utilizar o endereço eletrônico: programademetas@prefeitura.sp.gov.br

segunda-feira, 15 de abril de 2013

Resultado da Eleição para o CADES-Butantã


ELEIÇÃO CADES-BUTANT– 13/Abril/2013
Eleitores: 275
 Eleitos


No             Candidatos                                             Distrito           Votos
1    AIRTON CERQUEIRA LEITE                         Morumbi             36
2    ROLDÃO SOARES FILHO                              V. Sonia              22
3    MARCIA VAIROLETTI                                       Butantã               62
4    LUIZ AUGUSTO THOMAZ                                V. Sonia             64
5    DOMICHELICA M. A. M. DE ANDRADE         V. Sonia              8
6    AGNALDO ROGERIO DE OLIVEIRA              Butantã               2
7    ELAINE GOMES AMORIM SILVA                    Butantã           ZERO
8    ANA LUIZA DALCIN ARAGÃO                          Butantã             33
9    SONIA IMPERIO HAMBURGUER                   Butantã             12
10  MARCOS ANTONIO MUNIZ DE SOUZA        R. Tavares       10
11  DONATO GUEDES                                            R. Pequeno      4
12  JOSÉ MARTINS DE ABREU CAVALCANTE  R. Tavares       22
                                                                                    TOTAL              275
Classificação dos Candidatos eleitos como Conselheiros Titulares – 1º ao 8º e Suplentes – 9º ao 11º.
                Titulares
1º - LUIZ AUGUSTO THOMAZ
2º - MARCIA VAIROLETTI
3º - AIRTON CERQUEIRA LEITE
4º - ANA LUIZA DALCIN ARAGÃO
5º - ROLDÃO SOARES FILHO
6º - JOSÉ MARTINS DE ABREU CAVALCANTE
7º - SONIA IMPERIO HAMBURGUER
8º - MARCOS ANTONIO MUNIZ DE SOUZA
                Suplentes
9º - DOMICHELICA M. A. M. DE ANDRADE
10º - DONATO GUEDES
11º - AGNALDO ROGERIO DE OLIVEIRA

domingo, 7 de abril de 2013

Participar é fundamental

Audiência Pública do Programa de Metas - Butantã 

20/04/2013 
 9 - 12 h

Local: Casa de Cultura do Butantã - R Junta Mizumoto, 13


Audiências públicas do Programa de Metas começam no dia 13 de abril
Nos eventos a serem realizados nas 31 subprefeituras da cidade e por tema, população poderá conhecer melhor o plano, que define as prioridades da gestão até 2016, e apresentar sugestões
 A Prefeitura Municipal de São Paulo divulgou nesta sexta-feira (5/4) o calendário das audiências públicas sobre o Programa de Metas 2013/2016, que serão realizadas em toda a cidade.
No cronograma anunciado, as audiências nas subprefeituras terão início dia 13 e se encerram no dia 20 de abril. Nos dias 18, 22 e 25 serão realizadas as audiências temáticas, no Sindicato dos Engenheiros. No dia 30/4 haverá uma audiência geral na Câmara Municipal.
De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão, que está coordenando o processo, as audiências visam possibilitar à população maior conhecimento sobre o plano, que contém as prioridades da gestão para os próximos quatro anos, e, principalmente, ouvir as sugestões e demandas dos participantes.



PROJETO DE REVISÃO DO PLANO

DIRETOR É ARQUIVADO


A pedido da Prefeitura, a Câmara Municipal arquivou nesta quinta-feira (11) o Projeto de Lei (PL) 671/2007, que revisava o Plano Diretor da cidade, aprovado em 2002. A ação abre caminho para que a Prefeitura envie à Casa um novo projeto de revisão da lei.
“Com essa retirada, o Executivo terá condições de anunciar o calendário de debates do Plano Diretor”, comentou o vereador Nabil Bonduki (PT), que foi o relator do plano aprovado em 2002. A intenção da Prefeitura é iniciar o processo de participação da população ainda esse mês e encaminhar o projeto para o Legislativo até o fim de setembro.
Submetido à Câmara em 2007, o projeto arquivado atendia uma exigência do próprio Plano Diretor, que previa uma revisão após cinco anos de vigência da lei. No entanto, a tramitação da propositura foi alvo de uma batalha jurídica e acabou suspensa por uma decisão judicial em 2010.
Na época, o juiz Marcos de Lima Porta, da 5ª Vara da Fazenda Pública, acolheu os argumentos da União dos Movimentos de Moradia da Grande São Paul
o, Movimento Defenda São Paulo, Centro Gaspar Garcia de Direitos Humanos, Instituto Pólis e a Federação das Associações Comunitárias (FACESP)

,
 que alegava
 m a
 falt
a de
 participação popular no processo de elaboração do projeto.
(PORTAL DA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO 11/04/2013 – 18h47)

AUDIÊNCIAS PÚBLICAS TEMÁTICAS
Eixo 1: Compromisso os Direitos Sociais e Civis

Data: 18/04
 

Horário: 18h30 às 21h00

Local: Sindicato dos Engenheiros – Rua Genebra, 25 – 1° andar
Eixo 2: Desenvolvimento Econômico Sustentável com Redução das Desigualdades

Data: 22/04

Horário: 18h30 às 21h00

Local: Sindicato dos Engenheiros – Rua Genebra, 25 – 1° andar
Eixo 3: Gestão Descentralizada, Participativa e TransparenteData: 25/04

Horário: 18h30 às 21h00

Local: Sindicato dos Engenheiros – Rua Genebra, 25 – 1° andar


AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE O PROGRAMA DE METAS NA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO
Data: 30/04

Horário: 10h00 às 12h00

Local: Salão Nobre – 8° andar

Reportagem de Airton Goes no site da RNSP


sexta-feira, 5 de abril de 2013

Reunião da Rede Butantã em 03 de abril de 2013


A Reunião de abril foi mais uma reunião da Rede Butantã que contou com uma grande presença de entidades e representantes populares e do poder público municipal.

Dessa vez a pauta se concentrou nos informes relacionados à reunião da Rede com o subprefeito do Butantã (que também é membro participativo da Rede!). Para quem não se lembra, na primeira reunião do ano foi combinado que a Rede faria uma reunião com o subprefeito para discutir mecanismos de gestão democrática.

A Rede Butantã deverá, a partir da divulgação de um cronograma para as discussões do plano diretor e plano regional estratégico, se mobilizar para levar ao conhecimento do poder público, todo o conhecimento e discussões acumulados para participar ativamente da revisão dos planos. Para isso é fundamental que todos comecem a discutir o tema em suas entidades, em seu entorno.

ATENÇÃO: A POPULAÇÃO SERÁ CONVOCADA A PARTICIPAR - é o que garantem os gestores atuais da cidade.

Outro tópico muito abordado foi a próxima eleição do CADES/Butantã que inclusive contou com a apresentação dos candidatos presentes. A Rede reforça a importância de a população legitimar esses representantes através de seu voto, apoiá-los e cobrá-los quando necessário.

Destaca-se ainda o início da discussão sobre a Escola de Tempo Integral, que será aprofundada na próxima reunião da Rede, além do debate virtual que já está bem aquecido!

Detalhes do que foi discutido podem ser acessados na aba "mémórias" acima.

Parabéns a todos os presentes, a Rede grande é mais difícil de organizar, mas é muito mais forte!

Renato M Astray

segunda-feira, 18 de março de 2013

Eleição para representante da sociedade civil no CADES-Butantã


Informações sobre o processo eleitoral do CADES-Bt (Diário Oficial do Município,12/03 p.45). 

Lembrando que o Conselho de Representantes do Meio Ambiente e Cultura da Paz (CADES-Bt) é um importante espaço de debate e proposição a respeito de questões que apresentam interface com a temática ambiental. 

Apesar do seu caráter consultivo, o CADES, se fortalecido, pode ser articulador de políticas públicas para a região, cumprindo importante função na interlocução entre sociedade e poder público. O CADES-Bt por exemplo, participou do processo de articulação para a implantação da Central de Triagem no Parque Raposo Tavares, primazia para o fortalecimento da coleta seletiva no Butantã.
  
Titulo I – Do Processo Eleitoral
1- As eleições ocorrerão no dia 13 de abril de 2013, sábado,na Sala Butantã, da Subprefeitura Butantã, na rua Dr. Ulpiano
da Costa Manso, 201, térreo, das 9:00 às 17:00h.
2- Os Munícipes que desejarem ser candidatos, com direito a voto, na Eleição de Representantes da Sociedade Civil para
compor o CADES-BT deverão se inscrever pessoalmente (das 8:00 às 17:00h, de segunda a sexta-feira, na Praça de Atendimento da Subprefeitura Butantã, com o preenchimento de ficha com nome completo, número de RG (trazer cópia), comprovante de endereço de residência ou de local de trabalho (trazer cópia), Distrito que representa (entre os cinco elencados no preâmbulo), no período de 14 de março a 10 de abril de 2013.
5- Os candidatos terão a oportunidade de apresentar suas idéias e programas em reunião específica, aberta ao público,
a ser realizada na Sala Butantã, Subprefeitura Butantã, no dia 10 de abril de 2013, às 19h00, com tempo expositivo a ser
definido pela Comissão Eleitoral em acordo com o número de candidatos inscritos.
6- Os três candidatos mais votados estarão eleitos, independente do Distrito que representam. Outros cinco candidatos
serão eleitos considerando-se os mais votados em cada um dos cinco Distritos (Butantã, Morumbi, Vila Sônia, Rio Pequeno e
Raposo Tavares). A definição da eleição dos suplentes seguirá o mesmo critério, após o preenchimento das vagas titulares.
10- O eleitor, no ato da votação, deverá apresentar o original de documento de identificação com foto e comprovante
de residência ou comprovante do local de trabalho, que seja da região da Subprefeitura Butantã, para a definição do Distrito
para o qual está habilitado a vota
Título II – Das Candidaturas
13- Somente poderão candidatar-se os cidadãos que atenderem os seguintes requisitos:
a) ser maior de 16 anos de idade, atestado por documento de identificação;
b) ser residente ou trabalhar na região administrativa da Subprefeitura Butantã, atestado por meio de comprovante de
residência ou comprovante do local de trabalho;
c) ter protocolado a inscrição pessoalmente;
d) disponibilizar cópia do documento de identificação, do comprovante de residência ou do local de trabalho, que serão
conferidos com os documentos originais, até o dia 10 de abril de 2013, às 16h.
Contribuição retirada da lista da Rede Butantã,
autor: Renê Costa, NGD-CO1/SVMA